Até o fim do ano, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) confirmou que serão 44 destinos atendidos pelo Aeroporto Internacional Tom Jobim. Galeão ganha novos voos a partir de domingo
O Aeroporto Internacional Tom Jobim, também conhecido como Aeroporto do Galeão, passa a ganhar novos voos a partir deste domingo (1º). Até o fim do ano, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) confirmou que serão 44 destinos atendidos pelo terminal.
O aumento progressivo nos voos faz parte de um projeto de maior aproveitamento do Galeão e redução do fluxo no Aeroporto Santos Dumont, no Centro do Rio. O ministro de Portos e Aeroportos, Márcio França, assinou em agosto uma portaria que garante o processo de migração de voos a partir de janeiro de 2024.
O Aeroporto do Galeão chegou a contar com 17 milhões de voos ao longo de um ano e, atualmente, conta com cerca de cinco milhões.
Terão opções de destino no Galeão a partir de outubro os voos vindos de Porto Alegre, Porto Seguro, Campina Grande e do Aeroporto de Navegantes, em Santa Catarina.
Voos vindos de Goiânia devem ser transferidos a partir de dezembro.
O Aeroporto Santos Dumont encerrou o mês de setembro com uma média de 5.028 voos mensais. Em dezembro, eles estarão reduzidos a 3.328 voos mensais, menos 1,4 mil voos.
Já o Galeão encerrou o mês de setembro com média de 1.902 voos. A expectativa é que, em dezembro, o aeroporto tenha 2.976 voos, um aumento de 1.074 voos.
Aeroporto Internacional Tom Jobim, o Galeão
Reprodução/TV Globo
Menos voos no Santos Dumont
A tendência é que o Aeroporto Santos Dumont perca destinos. Atualmente, o local recebe 20 voos. Até o fim do ano devem ser 11.
Os passageiros que voam para Campos dos Goytacazes, Maceió e Caxias do Sul não terão esses voos disponíveis em outubro no Santos Dumont. Goiânia, Campina Grande e Navegantes também não estarão disponíveis a partir de novembro e, em dezembro, Recife e Porto Seguro.
Seguem no aeroporto, pelo menos até dezembro, os voos para Brasília, Belo Horizonte, São Paulo, Campinas, Ribeirão Preto, Vitória, Salvador, Curitiba, Florianópolis e Porto Alegre.
O que dizem as empresas
Com a nova distribuição dos voos, a empresa Azul foi a que ficou com menos horários disponíveis no Santos Dumont.
A Azul informou que a partir deste domingo, suspenderá os voos diretos do Santos Dumont para seis destinos – Brasília, Campos dos Goytacazes, Florianópolis, Maceió, Porto Seguro e Vitória.
No fim do mês, os voos pra Goiânia saindo do Santos Gumont também serão suspensos.
A empresa não falou em transferência de voos para o Galeão. Disse que os clientes que já comparam passagens serão reacomodados em outros voos ou reeberão o ressarcimento do valor total pago pelos bilhetes.
A Latam informou que qualquer alteração será comunicada diretamente aos clientes.
A Gol disse que vai aumentar a oferta de voos partindo do galeão, ampliando as possibilidades de conexão – inclusive com voos para outros países. E que os clientes com voos alterados serão informados e que poderão remarcar as viagens sem custo ou pedir o reembolso.
O Procon lembra que as empresas precisam comunicar as mudanças aos clientes com antecedência.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *