O foco da operação é evitar que a população da comunidade seja obrigada a pagar um preço maior pelo gás. Em geral, os botijões são comprados de fornecedores oficiais e estes estabelecimentos adicionam uma taxa para os moradores.

Por Redação, com ACS – de Rio de Janeiro

Policiais civis da Delegacia de Defesa de Serviços Delegados (DDSD) realizaram, na segunda-feira, uma operação contra a venda irregular de botijões de gás, no Jacarezinho, Zona Norte do Rio. A comunidade é uma das que serão beneficiadas pelo projeto Cidade Integrada, do Governo do Estado, a outra é a Muzema, no Itanhangá, Zona Oeste carioca.

Polícia Civil realiza operação contra a venda irregular de gás no Jacarezinho

Foram identificados três estabelecimentos que vendiam botijões acima do preço de mercado. Um homem foi preso e encaminhado à DDSD.

O foco da operação é evitar que a população da comunidade seja obrigada a pagar um preço maior pelo gás. Em geral, os botijões são comprados de fornecedores oficiais e estes estabelecimentos adicionam uma taxa para os moradores.

De acordo com os policiais, há investigação em curso para apurar o envolvimento dos proprietários dos estabelecimentos com o crime organizado.

Na última quarta-feira, a DDSD realizou outra operação com o mesmo objetivo na comunidade de Rio das Pedras, Zona Oeste do Rio. Três estabelecimentos foram interditados, e os proprietários, presos.

Desmanche de carros furtados

Policiais civis da 66ª DP (Piabetá) realizaram, na segunda-feira, uma operação para estourar um desmanche de carros furtados na Baixada Fluminense. O imóvel, localizado no Barro Branco, em Duque de Caxias, foi identificado pelo Setor de Inteligência da unidade, que monitorou a rota de fuga de veículos que eram furtados em Piabetá, no município de Magé.

Segundo os agentes, o desmanche fica em uma área conflagrada pela presença do tráfico de drogas. Após constatação visual de que, no interior do imóvel, havia um veículo furtado, os policiais entraram no local e apreenderam pelo menos três carros, além de farta quantidade de peças e motores de automóveis.

Foi realizada perícia criminal e o material apreendido encaminhado para a 66ª DP, onde está sendo realizado trabalho de identificação de origem. No imóvel não foi encontrado nenhum integrante da quadrilha. As investigações seguem para identificar e prender todos os envolvidos.

Criminosos

Policiais civis da 127ª DP (Armação dos Búzios) prenderam um dos criminosos mais procurados do estado de São Paulo, na segunda-feira. O homem foi localizado em um restaurante na Praia Grande, em Arraial do Cabo, Região dos Lagos.

Segundo os agentes, a captura foi possível após cruzamento de dados de inteligência com a delegacia de São José dos Campos, em São Paulo. Contra o preso, foram cumpridos três mandados de prisão por roubo e latrocínio.

O criminoso estava passando o fim de semana em Armação dos Búzios com a namorada e amigos. De acordo com as investigações, o foragido estava se escondendo na comunidade da Rocinha, na Zona Sul do Rio, onde fazia a segurança do chefe do tráfico, conhecido como “Johny Bravo”.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *