O Amarelinho reabre após seis meses meses de atividades suspensas, devido à pandemia. A reestreia teve a distribuição de chope grátis, das 14h às 18h, com show de Moacyr Luz e o Samba do Trabalhador. Por mais de uma vez, os frequentadores puxaram o slogan da campanha do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o ‘Lula lá!’.

Por Redação – do Rio de Janeiro

Um dos mais tradicionais bares do Centro do Rio, o Amarelinho reabriu ao público, neste sábado, com uma fila para o primeiro chope grátis que dava voltas na Cinelândia. A chuva fininha que chegou a apertar, por alguns momentos, não deteve a animação dos fregueses, ávidos por reviver momentos da vida política brasileira, vividos naquele local.

Amarelinho
A fila para o chope grátis dava voltas na Cinelândia, na reinauguração do Amarelinho

O Amarelinho reabre após seis meses meses de atividades suspensas, devido à pandemia. A reestreia teve a distribuição de chope grátis, das 14h às 18h, com show de Moacyr Luz e o Samba do Trabalhador. Por mais de uma vez, os frequentadores puxaram o slogan da campanha do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o ‘Lula lá!’.

“A fila do chope mistura frequentadores antigos, turistas de passagem e a população que circula pela Cinelândia. A administração calcula que quase 100 barris foram comprados para a celebração. O estabelecimento aproveita a reabertura para arrecadar alimentos não perecíveis para a campanha Ritmo Solidário”, escreveu o diário popular carioca O Dia, em sua versão online.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.