O programa vai oferecer, inicialmente, 170 vagas na rede de hotelaria da região do Centro da cidade do Rio de Janeiro aos moradores de rua. Eles ainda terão à disposição roupa de cama e banho e três refeições, sendo um jantar na noite de acolhida e o café da manhã e almoço no dia seguinte.

Por Redação, com ACS – de Rio de Janeiro

O Governo do Estado do Rio de Janeiro, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, lança o programa Hotel Acolhedor para atender diretamente à população de rua com abrigo durante os dias mais frios do ano.

O Hotel Acolhedor tem previsão de duração de três meses

O programa vai oferecer, inicialmente, 170 vagas na rede de hotelaria da região do Centro da cidade do Rio de Janeiro aos moradores de rua. Eles ainda terão à disposição roupa de cama e banho e três refeições, sendo um jantar na noite de acolhida e o café da manhã e almoço no dia seguinte. A população beneficiada poderá voltar aos hotéis para o pernoite nas noites seguintes.

Na manhã desta sexta-feira, começou o cadastramento da população. As vagas de hotel estarão disponíveis a partir da próxima semana.

Expansão para 300 vagas no primeiro mês

O Hotel Acolhedor tem previsão de duração de três meses, cobrindo a necessidade de abrigamento da população de rua durante o período mais frio do ano.

Construído em parceria com a rede hoteleira, o projeto prevê a liberação de mais 130 quartos de hotel na região entre o Centro e o Catete, permitindo o acolhimento de até 300 pessoas ao fim do primeiro mês de ação.

Os usuários serão direcionados para os quartos de hotel pelos profissionais de projetos do governo estadual com atuação próxima à população de rua. Equipes da Fundação Leão XIII, da Marcha da Cidadania e do programa Segurança Presente farão a abordagem às pessoas em situação de rua e o seu encaminhamento aos quartos disponibilizados.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.