Zona Sul e Zona Norte

SAÚDE – SAÚDE: ANSIEDADE TEM CURA!

A teoria psicanalítica nos permitiu entender porque ficamoscom essa sensação desagradável de medo, como se fosse uma premonição de que algo ruim vai acontecer ou não vai dar certo.

Nascemos e nos desenvolvemos física e psiquicamente e nesse processovivemos situações e experiências difíceis, como o desmame quando bebês, a relação com os pais e amigos, entrada na escola e todo o processo de educação, separação dos pais, bullying, puberdade, relações importantes, sexo, morte dos pais, menopausa, conflitos no trabalho e por aí vai.

Cada um lida e experiencia a vida e os acontecimentos de modo único, com suas defesas e possibilidades.

A psicossomática é um campo de estudo da medicina que concebe a doença humana como psicossomática por incidir num ser formado por soma e psique, que funcionam juntos.

Para lidarmos com as experiências e com a forma com que as vivenciamos, usamos as defesas psíquicas que têm como função a mediação das tensões intrapsiquicas e com o ambiente para evitar os conflitos ou minimizá-los e não gerar ansiedade.

Como Freud genialmente nos ensinou através de muito estudo na prática analítica, as defesas mais usadas são, a projeção, que é atribuir a outro o seu próprio conflito; a racionalização, que justifica e minimaliza o conflito; a repressão, guarda no inconsciente, não se lembra das coisas desagradáveis que ocorreram; e a negação, desvia o conflito, finge que não vê. Ele não quer ver.

Dessa forma nos defendemos e continuamos a vida com certa homeostase psíquica. Porém, o bem-estar termina quando, não damos conta ou não nos damos conta dos conflitos que nos deixam ansiosos, quais são os conflitos que estão nos fazendo sentir assim, porque são inconscientes, mesmo que parte deles seja consciente. Então, pela transferência, repetimos os comportamentos e reações a outras situações (que inconscientemente nos ligam às outras passadas) atrapalhando nossas vidas.

Com a análise (psicoterapia analítica) quebramos esse ciclo através da elaboração e associação livre, que traz à consciência oque estava escondido e nos dá a oportunidade de nos livrar-mosdoque nós causava ansiedade, lidando com esses conflitos conscientemente, e aí sim, podendo fazer novas escolhas sem as dores passadas atrapalharem e nos enganarem.

As defesas voltam a serem usadas de forma saudável e eficaz. Porque a doença aparece quando as defesas falham pelo mau uso, exagero ou até o bloqueio delas, por estresse ou depressão. Pois a ansiedade inconsciente gera sintomas psicossomáticos, é o conflito se expressando no corpo.

Valéria Sampaio Ferrão – Psicóloga,

Especialista em Psicologia Clínica Mestre em Psicanálise, Saúde e Sociedade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *