Jornal Com Distribuição Mensal nas Zonas Norte (Tijuca - Vila Isabel - Grajaú - Andaraí) e Sul (Botafogo - Urca - Humaitá) do Rio de Janeiro
 
 
 
 home / página incial
 siga o correio carioca no twitter
 correio carioca no facebook
 
Gastronomia: Preparos Para Cada Corte de Carne

Alcatra - macia e com pouca gordura, é indicada para bifes, picadinhos, guisados, churrasco e rosbife.

Contrafilé – corte bastante saboroso, entremeado por gordura. Fica bom frito em bifes ou cortado em pedaços menores, como em espetinhos.

Coxão duro - carne magra e dura geralmente utilizada moída e empregada em recheios, molho à bolonhesa, croquete, hambúrguer. Também fica boa em receitas com longo tempo de cozimento, como bife de panela ou bife rolê.

Coxão mole - corte magro que, apesar do nome, não é muito macio. Os usos são os mesmos do coxão duro.

Filé-Mignon – corte magro e muito macio indicado para bifes, picadinhos, estrogonofe e rosbife. Por ter sabor pouco acentuado, deve ser servido ou preparado com molho.

Fraldinha - muito saborosa e macia. Indicada para churrascos, bifes e assados.

Lagarto – carne magra e dura usada para rosbife fatiado e carne assada (cozida com molho na panela ou na pressão). Pode ser salgada e congelada para ficar mais macia (carne de sol).

Maminha - o cozimento deve ser rápido (mal passado) ou muito longo, no forno ou no fogão.

Músculo - carne dura, gelatinosa e saborosa. Precisa de cozimento prolongado, que pode ser feito na pressão. Ótima em cozidos, sopas, guisados, preparada no molho de vinho tinto (boeuf bourguignon). Quando cortado com osso é chamada de ossobuco.

Patinho – mesmos usos do coxão duro.

Picanha – carne macia e saborosa, coberta por uma grossa capa de gordura. Ótima para churrascos, bifes e rosbifes.



Nádia Lamas
http://vieirasetrufas.blogspot.com

 


 
 
« veja matérias sobre o Rio de Janeiro, Esportes, Turismo, Saúde entre outros temas.
 
 
 
 
© Correio Carioca   -   Expediente   -   Política de Privacidade   -   Anuncie   -  Fale Conosco