Jornal Com Distribuição Mensal nas Zonas Norte (Tijuca - Vila Isabel - Grajaú - Andaraí) e Sul (Botafogo - Urca - Humaitá) do Rio de Janeiro
 
 
 
 home / página incial
 siga o correio carioca no twitter
 correio carioca no facebook
 
Copa das Confederações: Aperitivo Para a Copa do Mundo

Copa das Confederações, disputada em junho, iniciará contagem regressiva para maior evento do futebol mundial.

O dia 15 de junho será o estopim que acenderá a chama da contagem oficial para a Copa do Mundo de futebol de 2014. A Copa das Confederações será disputada no Brasil, de 15 a 30 de junho, e fará o país ser sede de um grande evento futebolístico novamente, o que não acontecia desde a Copa do Mundo de 1950.



A Copa das Confederações faz parte do calendário oficial da FIFA desde 1992, sendo que desde 2005 é disputada no país-sede da Copa do Mundo, um ano antes do mundial. É uma espécie de prova para a pátria organizadora.

Esta edição do torneio contará com Brasil, país sede; Espanha, campeã da última Copa do Mundo e da Eurocopa; Itália, vice-campeã da Eurocopa; Uruguai, campeão da Copa América; Japão, campeão da Ásia; México, campeão da Concacaf; Taiti, campeão da Oceania; e Nigéria, campeã da África.

Os jogos serão realizados em seis cidades-sede: Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte, Recife, Salvador e Fortaleza. O sorteio, realizado em dezembro de 2012, São Paulo, definiu os grupos da seguinte maneira: Brasil, Japão, Itália e México, no grupo A, e Espanha, Uruguai, Nigéria e Taiti, no grupo B.

A Seleção Brasileira só jogará no Maracanã se chegar à decisão do campeonato, pois na primeira fase o “maior do mundo” só receberá um jogo do grupo A (sem o Brasil), um do B e não receberá jogos das semifinais.




As seleções que despontam como favoritas para conquistar a Copa das Confederações são Brasil, Espanha, Itália e Uruguai. Nossa seleção não vem apresentando um belo futebol, até mesmo vem sofrendo bastante nos últimos amistosos disputados. A mudança no comando técnico ainda não surtiu efeito. Entretanto, a Seleção Brasileira, pelo peso da camisa, sempre pode ser apontada como favorita em qualquer competição que dispute. A Espanha, atual campeã mundial, vem liderando seu grupo nas eliminatórias da Europa para a próxima Copa do Mundo. A Fúria não vem apresentando o mesmo futebol jogado em 2010, mas continua forte. O Uruguai também já não é o mesmo. Nosso simpático vizinho vem sofrendo muito nas eliminatórias sul-americanas e está em 6º lugar, posição que o deixa de fora da próxima Copa. A Itália, que tradicionalmente apresenta um futebol feio, porém muito competitivo e vitorioso, está liderando seu grupo nas eliminatórias europeias e vem forte para a disputa da Copa das Confederações. Emoção não vai faltar.




 
 
« veja matérias sobre o Rio de Janeiro, Esportes, Turismo, Saúde entre outros temas.
 
 
 
 
© Correio Carioca   -   Expediente   -   Política de Privacidade   -   Anuncie   -  Fale Conosco