Jornal Com Distribuição Mensal nas Zonas Norte (Tijuca - Vila Isabel - Grajaú - Andaraí) e Sul (Botafogo - Urca - Humaitá) do Rio de Janeiro
 
 
 
 home / página incial
 siga o correio carioca no twitter
 correio carioca no facebook
 
Cleptomania

O transtorno conhecido como Cleptomania significa "mania de roubar". A característica principal deste distúrbio é o fracasso constante em resistir a impulsos de furtar objetos desnecessários para o uso pessoal ou por seu valor monetário. A pessoa vivencia uma sensação crescente de tensão antes do roubo e sente prazer, satisfação ou alívio ao cometê-lo. Vale ressaltar que o furto não é cometido para expressar raiva ou vingança contra alguém. Os indivíduos com Cleptomania têm consciência de que o ato é errado, sem sentido e com freqüência tem medo de serem apanhados, sentindo-se deprimidos ou culpados quanto aos furtos.

Em geral, os objetos que são furtados têm pouco valor para o indivíduo, que teria condições de comprá-los e freqüentemente os dá de presente para alguém ou joga-os fora. Às vezes, o cleptomaníaco pode colecionar os objetos furtados ou devolvê-los disfarçadamente. Embora os indivíduos com este transtorno evitem furtar quando acreditam que possam ser pegos em flagrante, eles não costumam planejar seus furtos nem levam plenamente em conta as chances de serem presos. É importante mostrar que a Cleptomania é uma condição rara, que parece ocorrer em menos de 5% de pessoas que cometem furtos, sendo mais comum entre mulheres.

A psicoterapia é indicada para os casos de cleptomania, pois pode ajudar a pessoa a identificar as situações que desencadeiam o impulso de roubar e, assim, a desenvolver estratégias de auto-controle, melhorando sua auto-confiança e as relações interpessoais.


Psicóloga Patricia Adnet – CRP 05/34.198
Terapeuta Cognitivo-Comportamental
Leia mais em www.patriciaadnet.com




 
 
« veja matérias sobre o Rio de Janeiro, Esportes, Turismo, Saúde entre outros temas.
 
 
 
 
© Correio Carioca   -   Expediente   -   Política de Privacidade   -   Anuncie   -  Fale Conosco