Jornal Com Distribuição Mensal nas Zonas Norte (Tijuca - Vila Isabel - Grajaú - Andaraí) e Sul (Botafogo - Urca - Humaitá) do Rio de Janeiro
 
 
 home / página incial
 siga o correio carioca no twitter
 correio carioca no facebook
 
Cabo Frio: Polo Turístico Fluminense É Sinônimo De Verão

Cabo Frio é a maior cidade da Região dos Lagos, importante região do Rio de Janeiro. Seu exuberante litoral de praias maravilhosas, a agitadíssima vida noturna e construções históricas atraem turistas durante todo o ano e fazem com que o município tenha uma das principais economias do Estado.

A cidade, situada a 160 km da capital fluminense, foi fundada em 1615 e tem edificações muito bem conservadas, como o convento de Nossa Senhora dos Anjos (1686). Este local possui um museu de arte sacra. O Forte de São Mateus (1620), erguido em uma época que a defesa da região era fundamental, oferece, além de verdadeira viagem ao passado, uma bela vista panorâmica da cidade. A Igreja de Nossa Senhora da Assunção (1660) conserva o estilo colonial português em seu interior. Está situada na praça Porto Rocha.

Nos meses de verão a cidade vibra com tanta agitação e fica praticamente impossível trafegar pelas ruas estreitas e antigas do centro de Cabo Frio, com pessoas oriundas do Rio de Janeiro, pois há muitos condomínios com residências de veraneio dos cariocas e das mais diversas regiões, principalmente do Estado de Minas Gerais. Todo esse movimento concentra-se, principalmente, no centro, na Praia do Forte e no canal de Itajuru. Esses locais oferecem diversão para pessoas de todas as idades. No canal é possível encontrar barcos que realizam passeios pela orla belíssima de Cabo Frio e suas ilhas, com direito a mergulho durante o dia. À noite o lugar fica repleto. Atrações e opções de lazer e gastronomia não faltam. São restaurantes, bares, lanchonetes, boates e estabelecimentos de jogos, como a popular sinuca.

Do outro lado do canal, há intenso comércio, basicamente movimentado pelas muitas lojas com artesanato local e de roupas de praia, como sungas, biquínis e maiôs. A cidade tem mais de 100 fábricas desse tipo de roupas, que a tornam o principal centro comercial de toda Região dos Lagos.

No início do ano, em janeiro, Cabo Frio realiza a já tradicional Cabofolia. É um evento que mobiliza a cidade que recebe milhares de turistas, principalmente jovens. Sempre com música baiana e atrações de renome no cenário nacional.


As Praias:


• Do Forte: possui ondas fortes. É a mais conhecida, urbanizada e badalada de Cabo Frio, com quiosques, bares, restaurantes e agitada vida noturna.

• Do Foguete: ainda pouco habitada, com algumas casas de veraneio. Fica afastada do centro e no caminho para a cidade vizinha Arraial do Cabo. Tem areia fina e ondas fortes.

• Das Dunas: possui quiosques, mas nos trechos mais isolados tem área de preservação ambiental: o Parque das Dunas. Aí está localizada a Duna Branca, a maior de toda região.

• Brava: deserta e com mata preservada. A trilha começa próxima aos quiosques da Ilha do Japonês.

• Do Peró: bastante movimentada apesar de ficar afastada do centro da cidade. Possui muitos condomínios e casas de veraneio. A orla tem quiosques e é urbanizada.

• Das Conchas: baía com areias amarelas e águas tranqüilas. Na maré baixa faz ligação com a Praia do Peró.

• Braga: extensão da Praia do Forte. Urbanizada e com ondas fortes.

 
 
« veja matérias sobre o Rio de Janeiro, Esportes, Turismo, Saúde entre outros temas.
 
 
 
 
© Correio Carioca   -   Expediente   -   Política de Privacidade   -   Anuncie   -  Fale Conosco