Jornal Com Distribuição Mensal nas Zonas Norte (Tijuca - Vila Isabel - Grajaú - Andaraí) e Sul (Botafogo - Urca - Humaitá) do Rio de Janeiro
 
 
 home / página incial
 siga o correio carioca no twitter
 correio carioca no facebook
 
Aracaju

Do centro histórico aos atrativos da capital sergipana. Da culinária aos cenários paradisíacos de suas dunas, rios, lagos, cânions ao reconhecimento internacional. Descubra  um pouco mais da encantadora Aracaju.

Fundada em 17 de março de 1855, Aracaju, foi a primeira cidade do País a ser projetada. Além de ser a capital do menor estado brasileiro, Sergipe, Aracaju possui uma peculiaridade: as ruas do centro da cidade possuem o formato de um tabuleiro de xadrez, facilitando a locomoção dos pedestres.

Diferentemente de megalópoles como Rio de Janeiro e São Paulo, Aracaju é uma cidade tranqüila e organizada.

Possui um moderno parque hoteleiro, e oferece diversas opções de lazer, tais como: casas de espetáculos, bares, restaurantes, casas noturnas e evidentemente atrativos naturais de rara beleza, atendendo a todas as ocasiões e gostos.

As recentes revitalizações do Centro Histórico de Aracaju e os mercados Antonio Franco e Thales Ferraz, foram duas conquistas da administração da cidade.
A capital sergipana possui um rico centro de turismo: a tradicional Rua 24 horas, a Catedral Metropolitana, que é e a principal Igreja da cidade, está localizada na Praça Olímpio Campos e foi construída em 1860. Sua inauguração foi em 1875, sendo batizada com o nome Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição. Em 1910, converteu-se em Catedral.

A Ponte do Imperador, os antigos monumentos nas praças Fausto Cardoso e General Valadão valorizam ainda mais as tradições da capital sergipana.

Um dos símbolos de orgulho para os nativos é a Colina de Santo Antônio, que oferece uma visão panorâmica de beleza única.

A cidade vem evoluindo e se modernizando, inclusive já foram edificados dois Shopping Centers em um curto espaço de tempo. O Calçadão 13 de Julho, situado em uma área privilegiada da cidade, vem se consolidando definitivamente como um dos principais pontos de encontro dos jovens.

Aracaju possui uma vantagem em relação à outras cidades praianas: é verão o ano inteiro!! As praias da capital são planas, suas areias são firmes, oferecendo condições ideais para uma caminhada relaxante e o melhor de tudo: as águas são mornas.
A Praia de Atalaia é o cartão postal da cidade.

As Praias dos Artistas, Atalaia Nova, Robalo, Refúgio, Náufragos, Mosqueiro e todas as demais situadas ao longo da rodovia José Sarney proporcionam momentos agradáveis à turistas e cidadãos locais.

Aracaju é uma cidade festeira. O mês de julho é ansiosamente aguardado por todos na cidade. Acontece anualmente no Mercado Municipal o Forró do Caju. São 15 dias ininterruptos de festa, atraindo multidões dos mais diferentes destinos do globo.

Aracaju se destaca pela sua excelente e variada gastronomia. As especialidades gastronômicas da cidade são pratos que contenham caranguejo. O Guaiamu e o siri são pratos típicos da região.

A capital sergipana é referência no ramo do artesanato. Possui uma enorme variedade e tradição. Os  produtos  artesanais podem ser feitos de barro, rendas, em especial a irlandesa, bordados, madeira, couro e até mesmo em metais, confeccionados para fins domésticos.

Poucas cidades brasileiras possuem tantas belezas naturais como Aracaju. O litoral sul de Aracaju, reserva um cenário simplesmente paradisíaco. O passeio de barco parte do Porto dos Cavalos, navegando pelas margens do Rio Piauí.

A Praia do Saco, uma das mais praias mais deslumbrantes praias do Brasil obteve reconhecimento internacional: uma conceituada revista francesa especializada em turismo, classificou-a como uma das cem mais belas praias do mundo. O passeio se encerra no Rio Real, com um desfecho perfeito para os tripulantes da embarcação: um merecido banho na belíssima Ilha da Sogra.

A Rota Aracajú - Xingó é um dos roteiros mais fascinantes de Sergipe. Reserva uma biodiversidade única, mesclando eco- turismo, lagos, rios, praias de águas límpidas, cavernas e até mesmo cânions. Estes recursos naturais são encontrados entre Aracaju e Xingó confluindo com o Rio São Francisco.

Para quem gosta de muita adrenalina, o palco perfeito para a prática de esportes radicais são as trilhas ecológicas entre a caatinga e o Rio São Francisco. Além de ser o quinto maior rio navegável do mundo, o Rio São Francisco contempla as mais variadas paisagens. Aos que se interessarem por um pouco de história, vale a pena visitar a Grota do Angico, local de morte de Virgulino Ferreira da Silva, o “Lampião” o maior mito do cangaço nordestino.

Aos que procuram por sol, praia, aventuras, tranquilidade, um riquíssima culinária e belos cenários, a encantadora e aconchegante Aracaju é o destino ideal.

 
 
« veja matérias sobre o Rio de Janeiro, Esportes, Turismo, Saúde entre outros temas.
 
 
 
 
© Correio Carioca   -   Expediente   -   Política de Privacidade   -   Anuncie   -  Fale Conosco